☽❍☾

Grimoriun Noua
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Torneio Noua Para Aprendizes a partir do dia 01/07/2012 Participe
Venha fazer parte dessa Familia... Vire um Moderador(Vagas Abertas)
De sua VOZ nos contacte para reclamações de Sugestões sua VOZ tem PODER

Compartilhe | 
 

 O CANAVIAL

Ir em baixo 
AutorMensagem
|Mestre| Noua
Grãn Mestre
Grãn Mestre
avatar

Mensagens : 153
Sabedoria : 1077
Reputação : 0
Data de inscrição : 27/04/2010
Idade : 117
Localização : Cidade da Babilonia

MensagemAssunto: O CANAVIAL   Sab Set 11, 2010 8:28 pm

O CANAVIAL

No interior de Minas Gerais muitos "causos" misteriosos são contados .

Um causo muito estranho aconteceu numa cidadezinha, cuja fonte de renda era a cultura de cana de açúcar. Das grandes fazendas aos sítios, a única coisa que se via eram grandes roças de cana.

Numa dessas fazendas, que abrigavam colonos de toda parte do país, conta-se que um casal de nordestinos chegou e pediu emprego. Além do emprego, deram a eles um casebre, próximo a roça, para que morassem.

O casebre era bem isolado dos demais, pelo fato de ser um dos mais antigos. Os outros colonos achavam o novo casal muito estranho, quase não conversavam e não participavam da missa de domingo.

A mulher, que mais parecia um bicho do mato, estava grávida, mas mesmo assim todas as madrugadas ela ia para a roça cortar cana. Num dia muito quente, desses que parece que até o chão ferve, um incidente muito triste ocorreu. O marido da "Bicho do Mato"- como era conhecida aquela estranha mulher - fora picado por uma cobra e faleceu em poucas horas.

"Bicho do Mato" ficou mais transtornada e mais estranha ainda. Até as crianças tinham medo dela. Ela continuo cortando cana até o nascimento do filho.

Quando o bebê nasceu, "Bicho do Mato" sumiu ... não cortava mais cana, não abria a porta do casebre para ninguém. As colônias diziam que ela estava de resguardo e como era muito orgulhosa, não aceitava ajuda de ninguém.

Coincidentemente, na mesma época do seu "sumiço", escutava-se todas as noites, um bebê chorando no canavial. Os bóias frias ficaram encucados com aquele choro e um dia resolveram procurar ... Eles andavam, andavam e nada de encontrar o bebê. Quando se aproximaram do casebre, notaram que o choro ficou mais forte, parecendo que vinha de baixo da terra. No dia seguinte voltaram e arrancaram o pé de cana. Para espanto de todos, encontraram o corpo de um bebê já em estado de decomposição. O dono da fazenda chamou a polícia e eles invadiram o casebre. Encontraram "Bicho do Mato" encolhida no canto do casebre como uma louca. O fogão de lenha estava manchado de sangue.

Descobriu-se depois que ela matou seu próprio filho, socando sua cabeça na beira do fogão e depois o enterrou no canavial.

A mulher foi levada para um sanatório e o bebê foi enterrado numa cova digna, no cemitério da fazenda, onde o padre rezou uma missa pedindo por sua alma.

Depois disso, nunca mais ninguém ouviu o choro do bebê...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://noua.livreforum.com
 
O CANAVIAL
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
☽❍☾ :: Sobrenatural :: Lendas Urbanas-
Ir para:  
Criar fórum grátis | © phpBB | Fórum grátis de ajuda | Fale conosco | Assinalar uma queixa | Criar um fórum